18.Jul.2011 11:59
0 Comentários
Dilma de olho na classe média

Dilma Rousseff afastou logo os suspeitos de irregularidades no Ministério dos Transportes para evitar desgaste na classe média. Após a crise com Antonio Palocci, na qual demorou para agir, sua reprovação nessa camada mais que dobrou na pesquisa Datafolha
 


18.Jul.2011 11:58
0 Comentários
Sem licitação
As notícias de corrupção lotam as manchetes de Julho de 2011. Agora se fala que no período eleitoral as empreiteiras ganharam R$ 228 milhões sem passar por concorrência. Isso mesmo,,,De 2009 pra 2010, o Dnit aumentou em 33% o valor dos contratos feitos com dispensa de licitação, entregando às empresas R$ 228 milhões, segundo informações enviadas ao Tribunal de Contas da União. O contrato mais caro feito sem licitação foi fechado com a empreiteira Contractor, que recebeu R$ 9,9 milhões de...


14.Jul.2011 14:51
0 Comentários
Top 3 políticos gastadores

Os Líderes partidários estão entre os grandes gastadores da Câmara dos deputados. Os líderes do PR, PP e DEM na Câmara foram os que mais gastaram verba parlamentar no primeiro semestre com correspondência, hospedagem e manutenção de escritório político, respectivamente. As informações constam de um levantamento que considerou despesas publicadas pelo site da Casa no período de 1º de fevereiro a 1º de julho, o primeiro semestre da atual legislatura.
Lincoln Portela (PR-MG) encabeça a...


14.Jul.2011 14:50
0 Comentários
Google dos cuecas

O Macharedo domina o Google+. Estatísticas sobre a rede social do Google revelaram que 73,70% dos usuários do site são homens. Segundo estudo da empresa “Find People on Plus”, 94,09% dos homens cadastrados na rede estão em busca de um amor, contra 4,96% das mulheres. O estudo recolheu dados de 947.996 usuários do Google+. Lançada em 28 de junho, a nova rede social do Google ainda é restrita pra internautas convidados.
Um dado interessante do estudo mostra que, das 947 mil pessoas...


14.Jul.2011 14:48
0 Comentários
Remédios podem reduzir a transmissão do HIV
Novas Pesquisas tão mostrando que remédios contra AIDS podem ser usados tanto pra aumentar a proteção contra o HIV quanto pra tratar dos sintomas da síndrome depois da infecção.
Dois estudos realizados na África confirmam dados anteriores que mostram que drogas usadas para tratar o HIV podem reduzir o risco de infecção quando administradas diariamente. Especialistas tão otimistas a ponto de dizer que esses estudos podem nos ajudar a atingir o 'ponto de virada' na epidemia da Aids....